Literatura Podre

“Alta Gastronomia do Asfalto”: desejo, repressão e churrasco grego

Andou com vagar, quase em câmera lenta. Sentia seus pés tremerem e suas pernas fraquejarem de tanta emoção. Não podia mais ouvir nada: nem seguranças pessoais, nem sua namorada Walkíria. Os olhos brilharam com tanta intensidade que pareciam diamantes azuis. O alvo desse olhar? A barraquinha de churrasco grego que se encontrava a sua frente. … Continuar lendo