Sci Fi no Cinema

Top 10 Star Wars: grandes momentos da maior saga espacial

“Obi Wan treinou-o bem…mas você ainda não é um Jedi!”, diz Darth Vader a Luke Skywalker, padawan de Mestre Yoda, na antes viva e agora desolada e inóspita Bespin. O Filme? Star Wars – Episódio V: o Império Contra Ataca.

Essa frase de Darth Vader é uma daquelas que tenho memorizadas por ter assistido a Trilogia Sagrada (Episódios IV, V e VI) por 91 vezes cada filme. E essa contagem ocorre apenas com meu box de DVD da Trilogia Sagrada e nem me atrevo a contar a quantidade de vezes que vi antes, seja na Televisão, Cinema ou nos antigos VHS. Mas por aí já é possível perceber o quão importante, para minha vida nerd, constitui-se os filmes de George Lucas. Como adepto da Força (status superior ao de fã), busco expandir ao máximo leituras do Universo Expandido (gibis, livros, jogos, animações, etc). Leio também o que permitiu ao titio Lucas criar toda essa “ópera espacial” e estou me referindo especialmente a Joseph Campbell. Já li “O Herói de Mil Faces” e o compêndio “As Máscaras de Deus – mitologia primitiva, mitologia oriental e mitologia ocidental (falta uma, a contemporânea) para situar-me, adequadamente, no pano de fundo, que é a jornada do herói. Pretendo, no próximo post sobre Star Wars aqui no Cabaré das Ideias, discorrer um pouco mais sobre essa jornada do herói e como ela é experenciada pelos principais personagens de Star Wars, seja na Trilogia Sagrada, seja na Nova Trilogia.

Mas o objetivo deste post é selecionar, na minha opinião, os momentos mais marcantes da Trilogia Sagrada e também da Nova Trilogia (Episódios I, II  e III). Então vamos lá!!!

10 – C3-P0 e R2-D2 perdidos em Tatooine

“Parece que fomos construídos para sofrer”, diz C3-PO ao valente R2-D2. Não precisa dizer mais nada. É comédia demais. Esses dois andróides são insuperáveis.

9 – Obi Wan Kenobi explicando a Luke Skywalker sobre a natureza da Força, a Era das Trevas do Império e sobre a Queda de Darth Vader.

Obi Wan Kenobi explicando sobre a natureza da Força neste filme até hoje me emociona. E convocar Luke Skywalker nesta jornada é espetacular.

8 – Obi Wan Kenobi & Qui-Gon Jinn vs Darth Maul.

Acredito que esta seja a melhor luta de todos os filmes. Darth Maul luta muito e Obi Wan, bom, Obi Wan é o cara (único Jedi que derrotou em duelo dois Sith – Vader e Maul). De certa forma, esta luta vale quase todo o Episódio I.

7 – Han Solo sendo congelado em Carbonita.

“Eu te amo”, diz Leia a Han Solo enquanto este está prestes a ser congelado em carbonita. E ele responde: “Eu sei!”. Essa cena é espetacular, pela clima tenso que permeia os atores (que foram obrigados a refazer a mesma cena várias e várias vezes). A olhada que Leia encaminha a Darth Vader, seu pai (ela não sabe, claro, ainda) é congelante. E Han Solo com um sogro como este nem precisava temer o Jabba – the Hutt.

6 – Chanceler Palpatine e Anakin Skywalker na Casa de Ópera.

Este é um dos raros momentos em todos os filmes de Star Wars que a filosofia dos Sith é explicada de forma mais detida e não apenas no clássico “eles querem poder, são maus”. Palpatine explica a Anakin sobre a tragédia de Darth Plagueis, um poderoso Lord Sith que conseguia, pasmem, “criar” vida com seus poderes oriundos do Lado Escuro da Força. Um dos melhores momentos da Nova Trilogia. Pergunta que fica: “seria ele o pai de Aanakin?”

5 – Faça ou não Faça: tentativa não há!

Mestre Yoda, para variar, dá uma baita lição em Luke Skywalker e, de tabela, em todos nosotros. Fazer algo meio que empurrando com a barriga não vale nada. Faça algo! Esse ensinamento de Mestre Yoda me lembra muito o Tao Te King, livro sagrado do Taoísmo, escrito por Lao Tzu. Ensinamentos válidos para toda a vida, tanto do Mestre Yoda quanto de Lao Tzu.

4 – “Paciência você deve ter!”

Novamente Mestre Yoda vem nos ensinar através de Star Wars. Luke Skywalker, o jovem arrogante e apressado, procura pelo guerreiro Yoda e nem desconfia que já o havia encontrado. As aparências enganam mesmo. E enganaram o filho de Anakin Skywalker. Se não fossse por Obi Wan Kenobi, a coisa tinha meio que azedado para Luke. Mestre Yoda rouba o Episódio V para si. Simplesmente.

3 – O Dilema de Darth Vader e a Morte do Imperador Palpatine

Essa cena até hoje me emociona. Luke, após derrotar Darth Vader, não segue as orientações de Mestre Yoda e Obi Wan e subestima os poderes do Imperador Palpatine. E toma que toma raios de pura energia Sith. Ele clama pelo apoio do pai. O close na máscara de Vader enquanto decide se ajuda o filho ou se fica ao lado de seu mestre Lord Sith Darth Sidious é espetacular. Fantástico!

2 – “Se você não vier para o Lado Escuro, então talvez ela venha…”

Esse negócio de família não é fácil. Ainda mais com um pai cabeça dura que quer, a todo custo, fazer com que você siga o exemplo dele e “toque os negócios da família”. É mais ou menos por aí que é a relação entre Darth Vader e Luke Skywalker. Descobrindo que tinha não apenas um filho, mas também uma filha, Darth Vader ameaça Luke no ponto mais sensível possível: sua irmã recém-descoberta. E a coisa definitivamente esquenta entre os dois, pois segundo Vader, caso Luke não se torna-se um Sith, talvez sua irmã sim. O resto é ver no vídeo.

1 – “Eu sou seu Pai”

Talvez esta seja a revelação mais surpreendente da história do cinema. Verdade seja dita, com certeza é. É a mais pura tragédia familiar. O jovem Luke Skywalker encara seu maior algoz: o homem que teria matado seu pai. Perde a mão na brincadeira. E descobre que, na verdade, Darth Vader era seu pai. Não tem jeito, essa cena é a mais marcante de Star Wars. Primeiro lugar com todo direito e garantia!

Anúncios

3 pensamentos sobre “Top 10 Star Wars: grandes momentos da maior saga espacial

  1. Eu colocaria também aquela luta entre o Yoda e o Dookan. Imagina, você acostumado a ver o Yoda andando lentamente com o auxílio de uma bengala… E aí, quando chega – nas palavras do Coisa – a hora do páu, ele deixa de lado toda a superfície geriatrica e revela seu verdadeiro poder. Quando vi essa ceno no cinema, em 2002, meu primeiro pensamento foi: WTF!
    Quanto à cena do Han sendo congelado no corbonita, eu não me lembro muito bém, mas acho que eu tinha muito medo dessa parte quando era um pirralho.

    Curtir

  2. cara, alguns momentos são tão épicos q eu acho que uma lista dos “100 +” seria mais adequada… faltam as grandes citaçoes tipo: “esses não são os droides que você procura”, ou “ITS A TRAAPP”, que Han Solo aturou primeiro (e foi um tiro bem dado), enfim… são esses detalhes que fazem a serie o que é.
    muito bom o post. valeu

    Curtir

  3. vontade de ter o gran box (não quero nem imaginar a fortuna, quem sabe o papai noel bota uma fé no que penei em 2011 – e o que ainda penarei hehe)…
    pusta saudade que me deu de star wars (os três primeiros que são os últimos… pra falar a verdade).
    bem, o recreio terminou, bora voltar pra tesenstein!
    bj

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s